Dieta para Triglicerídeos, fogachos: Respostas da Doutora

Respostas da Doutora Sonia feita por usuários de Orientações Médicas, sobre:

Dieta para Triglicerídeos / Fogachos / Hérnia esôfago / Dieta Ácido Úrico / Pressão Alta / Gânglio

 

Dieta para Triglicerídeos

Esse distúrbio caracteriza-se pelo aumento das taxas sangüíneas de triglicérides, o que pode formar placas de gordura que se acumulam nas paredes das artérias, dificultando a circulação. Comumente está associado a um aumento das taxas de colesterol sangüíneo. Segue abaixo uma orientação dietética: Alimentos proibidos: – Açúcar, mel, doces, sorvetes, gelatinas; – Pudim, compotas, frutas secas e cristalizadas; – Roscas, tortas, balas, biscoitos, chocolates; – Massas como: lasanha, caneloni, ravióli; – Pizzas; – Farinhas (mandioca, milho, trigo, aveia); – Refrigerantes; – Bebidas alcoólicas. Alimentos restringidos: – Bolachas de água e sal, de água e torradas; – Batata, mandioca, beterraba, arroz, macarrão, milho verde; – Feijão, ervilha, soja, lentilha, vagem. Alimentos permitidos: – Leite desnatado, café, chá, suco de frutas; – Queijos; – Carnes magras; – Óleo vegetal em pouca quantidade; – Frutas; – Verduras e legumes. Recomendações: – Utilizar adoçante no lugar do açúcar – Praticar exercícios físicos regularmente.
 

Fogachos

Os famosos fogachos podem ser controlados por algumas pessoas com a ingestão de chá de folhas de amora: encontre uma amoreira, recolhas algumas folhas, as mais bonitas e verdes, lave-as com cuidado. Coloque água para ferver. Assim que estiver em ebulição, desligue o fogo, coloque as folhas (3 ou 4), tampe e deixe em infusão. Depois tome o chá diariamente. O Kinako que é a farinha da soja, o tofu (queijo de soja) e o leite de soja possuem a isoflavona que é uma proteína muito parecida com o estrogênio e que quando ingeridos diariamente também podem combater os fogachos em algumas pessoas.


A amoreira medicinal é a Morus celsa alba e Morus celsa nigra da Família Moráceas. Sua arvore atinge de 2,00 (alba) a 10,00 (nigra) metros, apresenta tronco verrugoso, folhas ovaladas, lisas, verdes brilhantes, dão frutos doces, comestíveis, que amadurecem no verão. Se dá bem em regiões com muito sol, e aguenta invernos rigorosos.

Tem propriedades laxativas, expectorantes, refrescantes e emolientes.

Laxante simples » comer os frutos lavados de manhã em jejum. Bom para inflamações de garganta e da boca. Fazer bochechos e gargarejos com o suco fresco dos frutos. Combate diabetes : infuso com 10 g de folhas em 100 ml de água.

Cosmética » para dermatoses, eczemas e erupções cutâneas, sob forma de cataplasmas: pegar um punhado de folhas, lavar, secar, colocar numa panelinha com duas colheres de sopa de água. Aquecer até que o líquido evapore. Pegar as folhas, estender sobre uma gaze e esmagar um pouco para que saia o líquido. Aplicar quente, mas não fervente, deixando sobre a pele até esfriar. Repetir mais duas vezes.

Utilização

  • Uso caseiro: : Árvore que atrai pássaros, especialmente beija-flores, que nidificam entre sua fronde. Cultivadas também em função de suas folhas, que alimentam bichos-de-seda.
  • Uso culinário: Os frutos são utilizados em xaropes, geleias, licores e tortas. Xarope: esmagar os frutos para obter suco; filtrar e pôr em fogo
  • brando; acrescentar açúcar na proporção do dobro do peso do suco. Deixar engrossar até consistência de xarope e guardar em garrafas esterilizadas, bem fechadas.

 

Hérnia esôfago

Para que os sintomas melhorem um pouco, faça pequenas refeições de 3 em 3 horas (você não deve ficar com o estômago nem muito vazio, nem muito cheio), procure não ingerir alimentos irritantes (café, frutas ácidas e tudo que achar que te faz mal), não se deite logo após as refeições, evite bebidas gasosas e alcoólicas e siga a medicação que seu médico lhe indicou.
 

Dieta Ácido Úrico

Para o aumento do Ácido Úrico (Hiperuricemia): indivíduos com esse distúrbio, têm dificuldade de eliminar o ácido úrico, produto final do metabolismo da purina, formado na quebra de proteínas, principalmente de origem animal. Geralmente desenvolve a gota úrica, doença que lembra a artrite, pela ocorrência de dores nas articulações. Segue abaixo uma orientação dietética: Alimentos proibidos: – Miúdos em geral (miolo, fígado, rins, coração, moela); – Alguns alimentos do mar, como sardinha, mexilhão, anchova, bacalhau, salmão, truta, atum, arenque, camarão, lagosta, ostra, caranguejo; – Algumas aves, como pombo, ganso, peru, galinha, galeto; – Carne de porco, embutidos, toucinho defumado, bacon; – Caldo de carne e molhos prontos; – Feijão, lentilha, grão de bico, ervilha, trigo; – Frutas oleaginosas, como coco, nozes, castanhas, amêndoas, amendoim, pistache, avelã; – Presunto, banha, extrato de tomate, chocolate, pão de centeio; – Alho porro, aspargo, brócolos, cogumelo, espinafre; – Todos os grãos e sementes. Alimentos restringidos: – Carnes magras (patinho, coxão duro); – Peito de frango, filé de peixe (pescada branca) “2 porções pequenas por dia”. Alimentos permitidos: – Leite e iogurte desnatados, queijos brancos; – ovos; – Vegetais (exceto os acima); – Pães brancos e biscoitos de água e sal; – Frutas em geral; – Macarrão e arroz; – Batata; – Óleos vegetais (girassol, canola), em quantidade moderada. Recomendações: – Utilizar preparações com carnes cozidas desprezando a água do cozimento; – Carnes assadas não devem ser tostadas; – Não utilizar preparações ou alimentos ricos em gorduras; – Não ingerir bebidas alcoólicas; – Ingerir 2 a 3 litros de água por dia.
 

Pressão Alta

Hoje consideramos pressão alta toda pressão que ultrapasse 139 X 85 mmHg quando medida corretamente, ou seja, após 15 minutos de descanso sentado, sem ter comido, bebido (mesmo água) ou fumado na última meia hora. Infelizmente, em 95% dos casos de hipertensão arterial não se consegue encontrar a causa e a pessoa terá que fazer uso da medicação por toda a vida, além de cultivar bons hábitos alimentares, fazer caminhadas/exercícios, não fumar, não abusar de bebidas alcoólicas, evitar o ganho de peso, etc para ter sucesso no seu controle.
 

Gânglio

É uma estrutura que faz parte do sistema de defesa de nosso corpo. Ele pode aparecer em qualquer parte do corpo denunciando uma infecção próxima a ele, recrutando e produzindo células de defesa, os famosos anticorpos.
 
Referências:

  • Programa de Educação a Distância de Medicina Familiar e Ambulatorial – PROFAM – 8 módulos, entre 2002 e 2003, diferentes gráficas, Argentina.
  • Medicina Ambulatorial: Condutas de Atenção Primária Baseadas em Evidências, 3ª edição, Bruce B. Duncan, Artmed, 2004
  • Medicina Interna, Harrison, 2 volumes, 8ª edição, Guanabara Koogan, 1980, Rio de Janeiro
  • Blakbook Clínica Médica, Ênio Roberto Pietra Pedroso e Reynaldo Gomes de Oliveira, 1ª edição, Blakbook Editora, 2007, Belo Horizonte
  • Guide Familial des Medecines alternatives est ládaptation française de Family Guide to Alternative Medicine, publie par The Reader’s Digest Association Limited, London, 1991.
  • Manual de Matéria Médica Homeopática, sintomas-guia e características dos principais medicamentos (clínicos e patogenéticos), Willian Boericke, 1997, Robe Editorial, São Paulo
  • Patologia do Trabalho, René Mendes, Editora Atheneu, 1995, Rio de Janeiro
  • Manual de Medicina de Família e Comunidade, Ian R, mcWhinney, 3ª edição, 2010, Artmed, Porto Alegre, RS

Share on Facebook0Email this to someoneShare on Google+0Tweet about this on Twitter0

Talvez você se interesse também por...