Causas de calvície (alopécia androgênica)

A calvície ou alopécia androgênica é causada por um encurtamento da fase de crescimento (anágena), por um afinamento progressivo do fio de cabelo e pela redução do tamanho dos folículos, fazendo com que a raiz fique cada vez mais próxima da superfície da pele.

calvície

calvície

Essa miniaturização do folículo é um processo hereditário e mediado por hormônios masculinos. Para ser mais exato, o problema ocorre naqueles pacientes que produzem excessivamente uma enzima chamada 5 alfa-redutase, que transforma o hormônio masculino testosterona no seu derivado dihidrotestosterona. Fatores genéticos determinam essa produção excessiva.

A dihidrotestosterona se liga a receptores existente em alguns folículos pilosos provocando a redução do seu tamanho. Portanto, ocorre naqueles indivíduos com altos níveis de dihidrotestosterona e numerosos folículos com receptores para este hormônio. As diferentes distribuições dos receptores de dihidrotestosterona entre indivíduos explica porque temos diferentes tipos.

A figura abaixo ilustra os padrões mais comuns de queda de cabelo no sexo masculino.

Padrões de calvície masculina

Padrões de calvície masculina

Nas mulheres, a alopécia androgênica é mais difusa pelo couro cabeludo, porém, é menos intensa. Em geral o que ocorre é um afinamento intenso dos fios de cabelo, que ocorre principalmente no centro e no ápice da cabeça. Calvície completa, como nos homens, é rara em mulheres.

Padrões de calvície feminina

Padrões de calvície feminina

Saiba mais:

QUEDA DE CABELO – CALVÍCIE NOS HOMENS