Propriedades das frutas


As frutas são alimentos que oferecem muitas vantagens

No geral, frutas têm

  • um alto teor de água,
  • estimulam o funcionamento dos rins,
  • a maioria contém fibra – que estimula o trânsito intestinal – e
  • é uma forma deliciosa de se refrescar
  • com poucas calorias e
  • muitas vitaminas.

Além do mais, são fáceis de comer, podem preparar-se de diversas maneiras, têm um sabor doce e agradável e podem encontrar-se durante todo o ano.

Frutas têm diversas propriedades

Vitaminas

Destaca-se o conteúdo em  vitamina C (sobretudo nos cítricos, nas frutas tropicais, melão, morangos ) e em provitamina A (em damascos, cerejas, melão e pêssego), ambas de ação antioxidante. Em menor proporção, encontram-se outras vitaminas do grupo B solúveis em água, biotina e ácido pantotênico (damascos, cítricos, figos…). No geral, as variedades coloridas, as frutas de Verão e as expostas ao Sol, são mais ricas em vitaminas.

Minerais

Nas frutas abunda o potássio (necessário para a transmissão do impulso nervoso e para a atividade muscular nomal, contribui para o equilíbrio de água dentro e fora da célula). A banana, o kiwi, tangerina, nêspera, melão, uva preta, cereja, damascos, ameixa-preta, côco fresco, abacate, ananás, fruta do conde e papaia, são frutas ricas em potássio. Também aportam magnésio (relacionado com o funcionamento do intestino, nervos e músculos, forma parte dos ossos e dentes, melhora a imunidade e a resistência às doenças degenerativas e tem um suave efeito laxante).

Fibra

As pectinas são uma parte que aportam as frutas, um tipo de fibra solúvel em água que tem um papel fundamental na consistência das frutas e que, mesmo assim, tem efeitos benéficos para a nossa saúde. A fibra das frutas secas encontra-se numa proporção entre os 0,7% e os 4,7%. As frutas com um menor conteúdo de água ou cuja a proporção comestível contém sementes, têm valores de fibra dietética mais elevados. O conetúdo de fibra  é reduzido quando se descasca a fruta. Assim, nas maçãs reduz-se uns 11%e nas pêras, cerca de 34%.

Ácidos orgânicos

Infuenciam no sabor e aroma das frutas. O ácido cítrico (cítricos, morangos, pêras…) potencía a acção da vitamina C e exerce uma acção desinfectante da urina. Outros ácidos orgânicos das frutas são o málico (maçã, cereja, ameixa- preta, damasco) e o salicílico (morangos), com acção anticoagulante e antiinflamatorio.

Elementos fitoquímicos (corantes, aromas e compostos fenólicos)

Apesar de estarem presentes em baixas concentrações, influem decisivamente na aceitação e no apetite pelas frutas, e muitos deles, são antioxidantes que contribuem para a redução do risco de doenças degenerativas, cardiovasculares até mesmo o câncer.

TodoPapás